Cinco perguntas sobre a Copa Libertadores com Gabriel Jesus

Cinco perguntas sobre a Copa Libertadores com Gabriel Jesus

Promessa palmeirense mostra personalidade para a sua primeira disputa da competição sul-americana

FOX Sports

Considerada a principal competição da América do Sul, a Copa Bridgestone Libertadores mexe com as emoções de torcedores, atletas e até dirigentes que têm a honra de participarem de uma disputa capaz de levar o campeão ao Mundial de Clubes da Fifa. Restando poucos dias para o início da edição de 2016, o FOXSports.com.br vai conversar com um jogador de cada uma das cinco equipes brasileiras que estarão na competição.

Principal revelação palmeirense dos últimos anos, o atacante Gabriel Jesus já é titular no comando de ataque do time com apenas 18 anos e será uma das estrelas da equipe de Marcelo Oliveira logo na primeira Libertadores de sua carreira.

Saiba mais:

Mais um fora! Malcom embarca para a França e se despede do Corinthians

Início ruim: Wallace falha, Fla sofre empate do Boavista e tropeça na estreia

'Por besteira': Lucão faz pênalti e São Paulo empata com Red Bull na estreia de Bauza

Apesar da idade, o jovem atacante se mostrou tranquilo para o seu primeiro desafio internacional com a camisa do Palmeiras, não quis apontar uma equipe brasileira de destaque e assumiu que não gostaria de enfrentar o Boca Juniors no histórico La Bombonera.

FOX Sports - Por quê a Copa Bridgestone Libertadores é mais complicada que outras competições? O que muda na disputa do torneio?

Gabriel Jesus – Ela é mais disputada. Se tratando de uma competição sul-americana, engloba as melhores equipes do continente, trazendo uma energia diferente para quem joga. Todos no Palmeiras sabem da responsabilidade de disputar a Libertadores e com força de vontade vamos lutar pelo título.

FOX Sports - Qual é o time brasileiro mais forte?

Gabriel Jesus – Todos são fortes. Não consigo apontar um em especial. Fomos campeões da Copa do Brasil, o Corinthians venceu o Brasileiro, mas os outros também melhoraram o elenco e vão chegar para brigarem pelo título. Não dá para classificar só um.

FOX Sports - Qual é o time estrangeiro mais forte?

Gabriel Jesus – Não tem jogo fácil nesta competição. Os argentinos são sempre fortes, mas também não é fácil jogar na Venezuela, no Peru, na Colômbia.

FOX Sports - Qual é o ponto mais forte do seu time? E o mais fraco?

Gabriel Jesus – A força do elenco. Já éramos bastante qualificados e os novos jogadores que chegaram vão agregar ainda mais. Nosso treinador é muito bom em encontrar o melhor de cada um.

Já o ponto mais fraco eu não consigo apontar agora, porque ainda é início de temporada e encerramos bem 2015. É claro que estamos sempre trabalhando para melhorar ainda mais.

FOX Sports - Qual é o estádio mais temido?

Gabriel Jesus – La Bombonera. Nunca joguei lá, mas já vi jogos pela televisão e dá para perceber que a pressão da torcida faz a diferença para o Boca. Não podemos escolher adversários ou estádios e vamos preparado se tivermos que jogar lá.

Confira as entrevistas anteriores:

Alan Kardec - São Paulo

Marlone - Corinthians

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade