Novo treinador do Bayern München Carlo Ancelotti quer Tony Kroos Luka Modric e Gareth Bale

Novo treinador do Bayern München, Ancelotti quer Kroos, Modric e Bale

Publicação da Gazzetta Dello Sport ainda conta que o treinador sonha com Gonzalo Higuaín e Insigne, ambos do Napoli

FOX Sports

Carlo Ancelotti ainda não foi nem apresentado no Bayern München, mas já tem uma lista de reforços para a equipe alemã para o próximo ano. De acordo com o diário Gazzetta Dello Sport, o italiano tem três nomes do Real Madrid, seu antigo time, para a equipe bávara em 2016. São eles: Toni Kroos, Luka Modric e Gareth Bale.

Porém, não é só nesses atletas que Ancelotti tem interesse. A publicação ainda conta que o treinador sonha com Gonzalo Higuaín e Insigne, ambos do Napoli, que faz bela campanha na Serie A TIM e ocupa a zona de classificação para a próxima edição da UEFA Champions League. A única forma de Ancelotti ‘seduzir’ esses atletas seria por meio de dinheiro, uma vez que todos têm contrato com suas respectivas equipes.

Leia mais

Respira, Anfield!: Liverpool bate líder Leicester e encerra 'mini-jejum' no Inglês

Nova cara: Manchester City confirma novo escudo vazado na internet

De olho na ponta: City bate Sunderland por 4 a 1 e se aproxima do líder Leicester

Outro fator que pode ser um trunfo do italiano é o desejo do presidente Florentino Pérez em fazer uma pequena reformulação no elenco do Real Madrid. Com isso, o Bayern poderia tentar um empréstimo ou até mesmo fazer uma oferta pelos três atletas. Do trio merengue, Kroos é o único que não é titular absoluto, uma vez que Casemiro costuma ser utilizado em sua vaga em algumas partidas.

No caso dos atletas do Napoli, a chance de transferência cresce por conta da ‘grife’ do clube alemão frente ao Napoli. Porém, para a posição de Insigne, por exemplo, os bávaros têm demais opções, como o brasileiro Douglas Costa, que mostrou um futebol de alto nível no início de temporada, o levando de volta à Seleção Brasileira.

Por outro lado, Higuaín pode ser uma excelente opção para o comando de ataque do Bayern, uma vez que Robert Lewandowski, artilheiro da equipe, pode se transferir para o PSG ou para o próprio Real Madrid em janeiro de 2016. O argentino chegaria para substituir o polonês de imediato. 

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade