Ataíde quer Lugano Bauza dá aval e mira trio argentino para 2016

Ataíde quer Lugano, Bauza dá aval e mira trio argentino para 2016

Zagueiro uruguaio pode ser apenas um dos reforços da equipe do São Paulo para a disputa da próxima edição da Copa Bridgestone Libertadores

Gazeta Press

De técnico novo, o São Paulo já começa a pensar em contratações para a temporada de 2016. Para alegria da torcida do Tricolor, o vice-presidente Ataíde Gil Guerrero e o treinador argentino Edgardo Bauza planejam contar com um grande ídolo da equipe: o zagueiro Diego Lugano. Em entrevista à rádio Mitre, de Buenos Aires, o comandante revelou que gostaria de ter o defensor no elenco no próximo ano.

Ataíde, em entrevista à Rádio Bandeirantes, na manhã desta segunda-feira (21 de dezembro), afirmou que Lugano só não foi contratado em um momento anterior devido ao veto da comissão técnica. “Lugano, as 2 vezes que não veio para o São Paulo, quem reprovou foi a comissão técnica. Mesmo assim, eu assumi a responsabilidade como um ato meu. Porém, neste momento, com os desejos da torcida, vou conversar com o presidente Leco, verificar o que pensa e, se as condições forem razoáveis, vamos trazer”, disse o dirigente.

Saiba mais:

Serie A TIM: Felipe Melo comete pênalti, é expulso e líder Inter perde da Lazio

Troca de comando? Jornal: Agente de Mourinho e United iniciam conversas

Nome certo: Mesmo sem contato inicial, jogadores aprovam Edgardo Bauza

Já o comandante, exaltou a qualidade do uruguaio e não escondeu o desejo em contar com o jogador. “Sobre Lugano, estamos falando de um ídolo do São Paulo. É uma grande figura por tudo o que transmitiu nos anos em que esteve lá. Gostaria de tê-lo no plantel, e depois vamos ver o que fazer”, afirmou Bauza.

Além disso, o argentino também comentou sobre seu desejo em ter no elenco reforços de confiança, comandados por ele no San Lorenzo. O treinador demonstrou cautela, mas ressaltou que o volante Ortigoza é um jogador de sua confiança. Sobre o lateral Buffarini, Bauza demonstrou mais urgência, em especial, pela fragilidade defensiva do lateral são paulino Bruno, que não convenceu o comandante.

“Gostaria de ter Ortigoza em qualquer equipe que dirigisse, não só no São Paulo. Mas isso vai depender das possibilidades do clube e se o San Lorenzo vai ceder. Buffarini é diferente, porque o São Paulo já esteve interessado nele. Hoje, tem Bruno, um lateral mais ofensivo do que defensivo. Nas sete partidas que vi, ele não me convenceu”, disse.

Bauza finalizou analisando mais um possível alvo. O treinador falou sobre a necessidade de um defensor, citando mais um jogador do San Lorenzo: o zagueiro Caruzzo. “Vou ter de buscar um defensor. Gosto do Caruzzo, mas não sei se o San Lorenzo liberaria”, reconheceu.

Classificado para a 1ª fase da Copa Bridgestone Libertadores, o São Paulo conhecerá seu adversário no sorteio que será realizado nesta terça-feira (22), às 21h30 (de Brasília). O Tricolor terá um confronto de ida e volta para definir se avança para a fase de grupos da competição.

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!