Voltando para o Atletico MG Andre se despede do Sport em rede social

Voltando para o Atlético-MG, André se despede do Sport em rede social

Após o belo Brasileirão feito pela equipe pernambucana, centroavante deve ganhar nova chance no Galo, que jogará a Libertadores em 2016

Gazeta Press

O atacante André utilizou as redes sociais para confirmar que não permanecerá no Sport na próxima temporada. Na publicação, o centroavante agradeceu ao clube pernambucano, destacando ter recuperado o prazer de jogar futebol em sua passagem pelo Leão da Ilha.

“Hoje, meu ciclo nesse clube maravilhoso se encerra… E só me resta agradecer a todos desse clube e dessa cidade que me receberam de braços abertos quando eu mais precisei. Obrigado, Sport. Obrigado por me trazer esse prazer e essa alegria de jogar futebol de novo…Pelo Sport tudo”, ressaltou.

Emprestado pelo Atlético-MG, em junho, André chegou ao Sport para a disputa do Brasileirão cercado de dúvidas após viver uma sequência de temporadas ruins. Contudo, pelo time pernambucano, o centroavante voltou a viver seus melhores dias e terminou a disputa da competição nacional como artilheiro da equipe, com 13 gols anotados.

O bom desempenho do atacante chamou a atenção da diretoria atleticana que já manifestou o desejo de contar com André na próxima temporada. Segundo o diretor de futebol do Galo, Eduardo Maluf, faz parte da filosofia do clube dar novas chances àqueles atletas que que acabam rendendo em outras equipes quando emprestados.

“Nós temos o interesse que ele volte. Acho que o André fez um campeonato brasileiro espetacular. Todos os jogadores nossos que saem emprestados e que correspondem as expectativas, a gente traz de volta e dá oportunidade. Um exemplo disso é o Giovanni Augusto, que está terminando o Brasileiro como um dos melhores meias. O Patric que saiu e que retornou… então, não vejo por tenha que ser diferente com o André”, afirmou o diretor de futebol do Galo, Eduardo Maluf.

Alto investimento – André chegou ao Atlético-MG em julho de 2011, emprestado pelo Dínamo de Kiev, da Ucrânia, e, após um início com a camisa alvinegra, acabou sendo adquirido em definitivo pelo Galo no ano seguinte. A negociação, avaliada em 8 milhões de euros (cerca de R$ 20 milhões na época) acabou se transformando na maior contratação da história do clube mineiro.

O alto investimento, contudo, se transformou em um grande prejuízo para o Atlético-MG. Depois de um início promissor, André caiu drasticamente de rendimento e, sem render em campo, foi emprestado à Santos e Vasco, onde também não brilhou. No início deste ano, o centroavante voltou à Cidade do Galo, mas atuou apenas duas vezes sob o comando de Levir Culpi, sendo cedido, por empréstimo, ao Sport, onde recuperou seu melhor futebol.

Após o belo Brasileirão feito pela equipe pernambucana, centroavante deve ganhar nova chance no Galo, tendo em vista a falta de um substituto para o argentino Lucas Pratto no elenco atleticano. No entanto, vale lembrar que André tem contrato com o Atlético-MG até junho de 2016, o que lhe dá o direito de assinar um pré-contrato com qualquer outro clube.

Veja mais

Fabuloso na China: Luis Fabiano indica acerto com clube chinês: "Nova história"

Partiu Itália?: Alisson admite propostas de Juve e Roma, mas inicia 2016 no Inter

Artilharia pesada: Santos reafirma DNA ofensivo e crava maiores artilheiros do Brasil

Diante desta possibilidade, Galo não descarta negociar André na próxima janela de transferências, visando compensar o prejuízo recebido pelo clube com a contratação do centroavante que, entre idas e vindas, já disputou 81 jogos pelo Atlético-MG, com 32 gols marcados.

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!