Ricardo Oliveira pode ser o 13 santista artilheiro do Brasileirão

Ricardo Oliveira pode ser o 13º santista artilheiro do Brasileirão

Assim como Serginho Chulapa e Pelé no passado, o centroavante do Peixe se distancia de seus concorrentes e tem tudo para entrar na lista

FOX Sports

O atual centroavante do Santos, Ricardo Oliveira, pode entrar para uma lista histórica do clube. O atleta já marcou 19 gols no Campeonato Brasileiro deste ano e pode se tornar o 13º artilheiro do time da Vila Belmiro na história do torneio nacional, que é disputado desde 1959.  

Ao todo, o Alvinegro praiano teve um artilheiro no Brasileirão em 12 temporadas diferentes, o que o torna o time com mais goleadores na história da competição.

Entre os anos de 1959 e 1966, na chamada Taça Brasil, primeira competição de futebol do país, o Santos teve três goleadores. Com sete gols anotados, Pelé foi o artilheiro em 1961 e 1964, e, em 1963, com oito gols, repetiu o feito. Os outros dois são Coutinho, que marcou sete gols em 1962, e Toninho Guerreiro, autor de dez gols em 1966.

No ano de 1968, já jogando pelo Torneio Roberto Gomes Pedrosa - substituto da Taça Brasil – o Peixe ainda tinha em seu elenco Toninho Guerreiro, que se configurou como o único artilheiro da competição naquele ano. O ex-atleta marcou 18 gols e levou o Santos ao título nacional.

Veja mais

É decisão: Zé Roberto vê Palmeiras preparado para 'revanche' contra o Santos

Novo alvo! Jornal revela: Pato é uma das opções do Barcelona para o setor ofensivo

Deu ruim: "Chelsea não tem dinheiro necessário para comprar Pogba", garante agente

Pelo Brasileirão, que surgiu em 1971, o clube da Baixada já teve seis artilheiros diferentes em seis temporadas: Serginho Chulapa, Paulinho Mclaren, Guga, Viola, Kléber Pereira e Borges.

Em 1983, Chulapa balançou as redes 18 vezes pela equipe santista. Dez anos depois, em 1993, Paulinho Mclaren e Guga foram os artilheiros no Nacional, com 15 gols marcados. No Campeonato Brasileiro de 1998, o atacante Viola marcou 21 gols. Em 2008, Kléber Pereira, ao lado de Washington, o “Coração Valente”, também anotou os mesmos 21. O último centroavante do Santos artilheiro do campeonato foi Borges que, em 2011, colaborou com 23 bolas na rede.

Agora, em 2015, o experiente Ricardo Oliveira está bem próximo de fazer parte da lista. Até a 32ª rodada, ele já tem 19 gols marcados e, com sete a mais do que Lucas Pratto, segundo colocado, tem tudo para concretizar a artilharia desta edição. 

Neste ano, Oliveira já foi o goleador do Campeonato Paulista, com 11 gols, e na Copa do Brasil, em que o Santos se classificou para a final na última quarta-feira (28), o atacante já tem cinco tentos, número que o deixa na terceira posição no ranking do torneio que dá uma vaga para a Copa Bridgestones Libertadores.

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!