As arrancadas de Cristiano devem levá-lo ao improvável prêmio

Mais uma vez indicado, Cristiano Ronaldo mostra que tem qualidades suficientes para disputar o FIFA Ballon D'or com favorito Lionel Messi

76448

Clique no menu abaixo para navegar entre os indicados:

Em 2003, Cristiano Ronaldo defendia as cores do Sporting (POR). Com 18 anos, ele chamou a atenção em um jogo contra o Manchester United, no qual os ingleses perderam por 3 a 1. Com belíssima atuação do jovem português, que se destacava dos demais por suas arrancadas, sua habilidade e ‘ousadia’ que mostrava em cima dos zagueiros adversários, os jogadores dos Red Devills pediram imediatamente a contratação do lusitano ao técnico Alex Ferguson. A decisão foi acatada e Ronaldo se transferiu para o clube inglês.

Com a camisa do Manchester United, conquistou muitos títulos: Taça de Inglaterra 2003, Taça da Liga 2005/2008, Barclays Premier League 2006/2007, Supertaça de Inglaterra 2007, UEFA Champions League 2007, Campeonato Mundial de Clubes da FIFA 2008.

As boas atuações valeram a pena e Cristiano Ronaldo foi premiado pela FIFA com o prêmio de melhor jogador do mundo em 2008. Com isso, o português se tornou a mais cara transação da história do futebol, foi vendido para o Real Madrid por 80 milhões de libras (atualmente, cerca de R$ 266 milhões).

Em 2011, o português se tornou o maior goleador da história do Real Madrid numa só temporada, ao marcar 53 gols. Superou o lendário Puskas, que chegou a contabilizar 49 tentos na temporada 1959/60.

‘Cansado’ de receber troféus individuais, Cristiano Ronaldo nunca foi consagrado no prêmio anual da FIFA, inclusive na temporada 2010-11, teve de engolir o terceiro lugar, atrás de Messi e Xavi.

Em 2012, Cristiano Ronaldo aparece novamente como principal rival de Messi ao prêmio FIFA Ballon D'or, favorito por suas belas atuações no ano com a camisa da Argentina e do Barcelona. Mas Ronaldo também teve um ano incrível. Com 27 anos, a estrela portuguesa liderou o Real Madrid na conquista do título do último Campeonato Espanhol, que acabou com a supremacia nacional do Barça. Ainda em 2012 o atacante conseguiu se destacar na Eurocopa, tendo belíssimas apresentações, quando levou a seleção de Portugal à semifinal, perdendo nos pênaltis para a futura campeã Espanha.

RESPONDA A ENQUETE ABAIXO E NOS AJUDE A ESCOLHER O MELHOR JOGADOR DA TEMPORADA.

Deixe seu comentário