Blog do Sartori: Fluminense, Botafogo e Vasco precisam se espelhar no Flamengo

Trio carioca atravessa crise dentro e fora de campo

423299
Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo

O Flamengo não conquista um título Brasileiro há 10 anos e busca o bi da Conmebol Libertadores desde 1981. O primeiro passo para acabar com esses dois jejuns começou com as grandes contratações de nove reforços avaliados em quase R$ 200 milhões. E para comandar esse super elenco o rubro-negro trouxe da Europa o técnico português Jorge Jesus. Resultado: liderança do Brasileirão e vaga na semifinal da competição continental depois de 35 anos. O clube da Gávea se planejou dentro e fora de campo. Mais do que isso. Foi atrás de dinheiro para dar a volta por cima. Além do pesado investimento, ainda lucra com a melhor média de torcida nos estádios.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Diferentemente do Rubro-Negro, Fluminense, Botafogo e Vasco vivem uma fase ruim, disputam apenas o Campeonato Brasileiro, e precisam buscar o tempo perdido se espelhando no sucesso do Flamengo.

Do trio carioca, o melhor no torneio nacional é o Botafogo. Ocupa a 10ª posição. O glorioso passa uma situação complicada fora de campo. Falta de dinheiro para pagar três contas de água atrasadas do estádio Nilton Santos. Se falta dinheiro para o básico, imagina a dificuldade para contratar nomes de peso para virar o jogo. Sem contar os três meses de salários atrasados de funcionários do clube, entre eles jogadores. A torcida também não digeriu a eliminação na Copa do Brasil pelo Juventude, na terceira fase da competição. Também a efetivação de Felipe Tigrão no ano passado quando o Jair Ventura saiu. O clube foi questionado porque não foi atrás de um técnico mais experiente. A gota d´água foi a declaração inoportuna de Marcos Padilha, vice-presidente de comunicação do clube, que respondeu uma mensagem de torcedor nas redes sociais dizendo que ''a torcida abandonou o Botafogo''. Isso causou revolta entre os torcedores alvinegros na internet.

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

Brasil Futebol Expo reúne indústria do futebol de 4 a 8 de setembro

O Vasco é o 15º no Brasileirão e está seis pontos à frente da Chapecoense, duas posições, da zona de rebaixamento. A falta de dinheiro também prejudica o time de São Januário. Recentemente, teve problemas com aluguel do Centro de Treinamento. Informação exclusiva do repórter Flávio Winicki, do FOX Sports. Após derrota na última rodada por 1 a 0 para o Cruzeiro, o técnico Vanderlei Luxemburgo mandou um recado à torcida vascaína.

“Quero dizer diretamente para o torcedor: não adianta queimar o Marquinho, o Tiago Reis, o Valdivia. Porque daqui a pouco não tenho ninguém. Estou com 67 anos, não posso entrar em campo para jogar. Estão queimando jogador. Torcedor, preste bem atenção: para conseguirmos alguma coisa, é importante acreditar e caminhar junto com estes jogadores. Não dá para queimar ninguém nem contratar alguém. Temos que entender que este é o nosso elenco”, desabafou o treinador.

O pior dos três é o Fluminense. Ocupa a zona de rebaixamento na antepenúltima posição, apenas dois pontos à frente do lanterna. Trocou de técnico, Fernando Diniz por Oswaldo de Oliveira, e mesmo assim o time não emplacou. Foi eliminado da Sul-americana na semana passada para o Corinthians, de forma dramática, e nesta segunda-feira (02 de setembro) sofreu uma derrota vexatória para o Avaí, último colocado, em pleno Maracanã. Detalhe: o time de Santa Catarina não havia vencido nenhum jogo em 16 rodadas. Em novembro do ano passado, o Tricolor das Laranjeiras ainda ficou um mês inteiro sem marcar gols, algo que na época também foi preocupante.

Enfim, são muitos os exemplos de erros na direção desses três clubes cariocas. Não vejo uma luz no fim do túnel para esse trio sem uma mudança de gestão. Para esses gigantes voltarem a brilhar, o caminho mais curto é copiar o que o Flamengo tem feito fora e dentro de campo. Se não acordarem, vão ficar anos brigando para não cair. E com certeza, nenhum torcedor vai abandonar o clube de coração. Esses sim são os verdadeiros donos dos times.

Leia também!

Jornal tira sarro de Juanfran por caneta sofrida

Real rescinde com brasileiro após fechamento da janela

Ex-Barça critica Neymar por novela para sair do PSG

Crédito da foto: Alexandre Vidal/ Flamengo