Renato Gaúcho x Jorge Jesus: quem fala o que quer escuta o que não quer!

Comandantes de Grêmio e Flamengo vão travar um duelo particular na semifinal da Conmebol Libertadores

422813
Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo

Renato Gaúcho soltou a voz na terça-feira (27 de agosto) para defender seu elenco considerado por ele o melhor do Brasil. No dia despachou o milionário Palmeiras da Conmebol Libertadores com uma virada histórica por 2 a 1.

No dia seguinte foi a vez de Jorge Jesus retrucar e dizer que aceitava a opinião de Renato, mas para ele o Flamengo jogava melhor.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time


Neste sábado (1/9), após o empate sem gols entre Grêmio e São Paulo, no Morumbi, o técnico gaúcho voltou a botar pimenta na discussão. (Veja no vídeo acima)

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

"O Flamengo tem um futebol bonito sim, mas joga há pouco tempo. O Grêmio joga há três anos. O que tem de diferença é a balança financeira".

Foi Renato quem começou com essa história. Quem fala o que quer vai escutar o que não quer. Essa é a regra do jogo. Jesus apenas respondeu o que lhe foi perguntado. E o português com sua experiência jamais deixaria de defender o seu valioso elenco. Agora, além do melhor time do Brasil, Renato Gaúcho partiu para o ataque financeiro da super potência que o Flamengo se tornou.

"Se o Grêmio me der R$ 160 milhões para contratar, eu vou montar uma seleção. Respeito a opinião do Jesus, mas com aqueles jogadores é obrigação (o Flamengo ter o melhor futebol)."


Parece ciúmes, mas em alguns pontos Renato tem razão. O Grêmio é o único clube do Brasil que segue vivo nas três principais competições da temporada: Libertadores, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. Mas algumas declarações deveriam servir de carapuça para o presidente do clube gaúcho, Romildo Bolzan Jr.

"O Grêmio não gastou nem R$ 10 milhões. O Grêmio revela jogadores e chega em todas as competições."

Neste domingo, (2/9), o Flamengo encara o Palmeiras, no Maracanã. Além da expectativa do resultado do jogo entre os dois clubes que mais investem no futebol brasileiro, a entrevista de Jorge Jesus vai ser um atrativo. Será que o Mister vai responder Renato à altura?

Os dois jogos da semifinal da Libertadores, em outubro, vão colocar frente a frente os treinadores. Espero que além  do bom futebol, o melhor vença, e que eles se cumprimentem como dois bons adversários. Até porque um só vai ser o melhor. Assim é decidida uma boa partida de futebol.

Leia também!

Barcelona praticamente descarta contratação de Neymar

Real Madrid pode ter de “uma a duas surpresas” até o fim da janela

Palmeiras tem retrospecto contra cariocas que pode animá-lo contra o Fla

Crédito da imagem: FOX Sports