O Furacão Ajax e o paradoxo da Florida Cup

Sensação da atual edição da Uefa Champions League, Ajax eliminou Real Madrid, Juventus e agora segue vivo na semifinal do torneio europeu

404351
False

O Ajax é visto de novo como o “Furacão” da Europa. Foi apelidado assim no início dos anos 70, quando o espetacular time de Cruyff ganhou três vezes seguidas o Velho Continente (1971, 1972 e 1973), anunciando o Carrossel Holandês que encantaria o mundo em 1974. Sensação da atual Champions, o gigante holandês já fez história ao se tornar o primeiro clube semifinalista do nobre torneio que atravessou as três fases preliminares da disputa. Eliminou Real Madrid e Cristiano Ronaldo, hegemônicos nos últimos anos, com vitórias incontestáveis fora de casa, um show de bola no clássico estilo holandês: um 4-3-3 com muita posse de bola, troca rápida de passes, movimentação, qualidade técnica, coragem. Figuras importantes do sensacional Ajax de 1995 (Van der Sar e Overmars são dirigentes do clube hoje) já diziam há alguns meses que o atual Ajax é tão bom quanto aquele que ganhou a Champions em cima do Milan com um gol de Kluivert.

'Não Pipoca': Benja elege cinco maiores que viu com três brasileiros e dois gringos

Contra a Juventus, em Turim, o Ajax completou 1750 partidas seguidas com ao menos um jogador da base em seu time titular. Desde 1982 essa filosofia é mantida. Cruyff, um dos tantos garotos talentosos revelados pelo clube, é mesmo eterno. A marca dele está não só no nome da Arena em Amsterdã, mas na ideia de jogo e de futebol do clube. “Jogar futebol é simples, mas jogar futebol simples é a coisa mais difícil”, já dizia Cruyff, o maior frasista da história do esporte. Para o Ajax e para o futebol holandês como um todo, vencer apenas não basta. É importante buscar a excelência, um jogo agradável, vistoso, divertido. O time do Ajax é artesanal, você vê em campo o ótimo trabalho de formação de talentos e enxerga também um excelente jogo coletivo, uma organização que valoriza a qualidade desses jovens jogadores (média de 23,4 anos de idade tem o elenco do Ajax, o mais jovem que chegou ao mata-mata da Champions).   

Fla x Corinthians no NBB, Arsenal, Chelsea e mais: tudo no FOX Sports

Por questões financeiras e também com a Lei Bosman, que praticamente acabou com o limite de estrangeiros na Europa, o Ajax ficou em segundo plano no futebol europeu. Não há como competir, em condições normais, com os bilionários clubes das ligas nacionais mais badaladas. O excelente volante Frenkie de Jong já foi negociado com o Barcelona, que pode ser o destino do ótimo zagueiro De Ligt. Muito possivelmente, o time do Ajax será desmontado ao final da temporada, que deve acabar com o título holandês, com o título da Copa da Holanda e uma imagem maravilhosa na Champions League. Guardiola, que reafirmou que sua missão no Manchester City é fazer o time jogar bonito (não vencer obrigatoriamente a Champions), bebeu na fonte de Cruyff, assim como o Ajax. O Barcelona virou o que virou muito pela influência de Cruyff como jogador e como treinador. Mesmo quem valoriza o resultado acima de tudo se rende quando vê uma equipe que trata bem a bola e joga com arte. Isso está acontecendo com o Ajax mais uma vez. Mesmo sem muita grana, basicamente com a velha fórmula de reunir e organizar talentos sem medo. 

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

A Holanda ficou fora da Copa, mas se reinventou rapidamente com essa mesma fórmula. Juventude, organização, talento e uma ideia de jogo mais leve, solta e ofensiva. Esse conceito é algo praticamente inegociável na escola laranja. O Ajax e o PSV, para ajudar o futebol holandês como um todo, aceitaram dividir dinheiro com os times mais humildes do país. A Holanda está ainda mais unida pelo Ajax, cujo sucesso internacional vai significar mais dinheiro para todos no país, além de aumentar o coeficiente da Holanda na Europa, o que pode render vagas em torneios internacionais. E, por falar em disputa internacional, muita gente está lembrando agora que este elogiável Ajax de 2019 disputou (e não venceu) a Florida Cup.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Muitos flamenguistas estão orgulhosos porque venceram a Florida Cup e não perderam do Ajax. Lembro que, naquele jogo, o Ajax atuou com apenas um titular: o brasileiro David Neres, que acabou substituído. E lembro que Diego Alves saiu como herói, foi o melhor durante o empate por 2 a 2 e também na disputa de pênaltis. Hernanes postou em mídia social que o São Paulo venceu o Ajax por 1 a 0. Na verdade, esse foi o placar do primeiro tempo, pois o jogo terminou 4 a 2 para o time holandês. O Ajax começou com titulares contra o São Paulo e virou o placar com os reservas. Você pode ver o lado positivo e o lado negativo disso, é a história do copo meio cheio ou meio vazio. Hernanes, esperto, vê o copo meio cheio e perguntou onde estaria o São Paulo se ele disputasse a Champions atual.

Clique e assine o APP do FOX Sports

Quero lembrar que a Florida Cup de 2017 teve na final o clássico entre Corinthians e São Paulo. Deu 0 a 0, mesmo placar do último jogo entre eles no Morumbi, e o São Paulo foi campeão do torneio nos Estados Unidos ao vencer nos pênaltis, mesmo com Cássio no gol corintiano. Houve foguetório em São Paulo por conta desse triunfo tricolor, que nos outros mata-matas contra o Timão no século foi superado. Os são-paulinos certamente contam essa vitória com carinho (Sidão foi o herói tricolor), os corintianos pouco lembram dessa decisão em torneio de pré-temporada. O mesmo acontece agora com o Ajax. Vale bater no peito e dizer que o Flamengo foi campeão em cima do Ajax, sendo que não havia final na edição deste ano? Vale, claro, o Ajax foi vice afinal. Vale dizer que o São Paulo derrotou o time titular do Ajax este ano? Vale, o Ajax perdeu de 1 a 0 aquele primeiro tempo contra o São Paulo afinal. Vale aplaudir o Ajax pelo que ele faz ao longo da história e especialmente neste ano? Vale demais! Que o Ajax inspire os grandes clubes brasileiros no jeito de jogar. Que não tenhamos mais um Corinthians 0 x 0 São Paulo com os dois times pouco indo ao ataque e decidindo nos pênaltis, como na Florida Cup.

Leia também:

Flamengo pode ter ótima novidade para Abel

Ex-sonho do Palmeiras deve ir para a Argentina

PVC: Atlético-MG fará oferta por Ceni em breve

Crédito da foto: EFE

Deixe seu comentário