Levir Culpi chega ao Atlético-MG e relembra “jogos inesquecíveis” contra Flamengo e Corinthians

Treinador comandou a equipe no título da Copa do Brasil de 2014, quando eliminou os paulistas nas quartas e os cariocas nas semifinais

381614
False

* Por Gazeta Press

O Atlético apresentou, na tarde desta quinta-feira, na Cidade do Galo, seu novo treinador, Levir Culpi, contratado nessa quarta pouco depois da demissão de Thiago Larghi. O comandante soma sua quinta passagem com a camisa alvinegra, e ouviu do Presidente alvinegro, Sérgio Sette Câmara, que era a primeira opção após a saída de Oswaldo de Oliveira, em fevereiro de 2018.

Estreia do NBB e jogos da Bundesliga: a semana no FOX Sports

“No ano passado o Atlético-MG estava perigando brigar na zona de rebaixamento quando o Oswaldo chegou. Hoje estamos brigando por vaga de Libertadores. Acredito que houve evolução sobre o ponto de vista. O Atlético-MG tem que estar brigando por títulos. Quando o Oswaldo conseguiu nos tirar daquela situação, nós entendemos em manter o trabalho que já tinha se iniciado com o Oswaldo e até meritoriamente, por se tratar de um treinador de renome. Quando aconteceu aquele fatídico jogo no Acre, depois de ter apostado em uma pré-temporada aqui que daria frutos, quando começou a temporada sentimos que aquele rumo ali não nos levaria a nada. Naquela oportunidade eu procurei o Levir e outros treinadores, não muitos, que se encaixariam no clube. Como não encontramos nenhum que atenderia os nossos anseios, preferimos apostar no Thiago”, disse Câmara.

El Clásico Barcelona x Real Madrid no dia 28; saiba como assistir ao vivo

Com o mesmo perfil descontraído, marca lembrada recentemente na Cidade do Galo em sua última passagem que terminou em novembro de 2015, Levir disse que é sempre um sentimento forte ao assumir um novo trabalho com o escuto preto e branco.

“Cada vez que venho para o Atlético-MG tem emoção, tem jogos espetaculares. Tem aqueles jogos contra o Flamengo e o Corinthians. Não existe aquilo. É absurdo. Foi uma simbiose com os jogadores, os torcedores. Não teve muita parte tática. Aquilo foi emoção pura. O prazer que aquilo passou para todos foi inesquecível, então porque não repetir. É difícil conquistar as coisas”, completou.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Já no próximo fim de semana, o Atlético encontra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro. Levir Culpi surpreendeu ao dizer que não tem muita experiência em relação ao atual elenco do Galo e espera conseguir fazer o trabalho fluir o quanto antes.

“Na verdade, eu tenho pouco conhecimento. Assisti poucas partidas do Atlético-MG. Quero conhecer melhor nos treinamentos o elenco e também nos jogos. Não tenho um plano tático definido. Às vezes é uma coisa que acontece naturalmente”, finalizou.

Saiba mais:

Sassá 'soca' o troféu e provoca o Galo

PSG mira a contratação de Griezmann

Andrés ironiza o Cruzeiro e faz promessa

Crédito da foto: Celso Pupo/Fotoarena

Deixe seu comentário