Fluminense não paga direitos de imagem há quatro meses e pode sofrer com 'efeito Scarpa' novamente

Time carioca vive sério problema financeiro há alguns anos e tenta evitar que os atletas entrem na Justiça para deixar o Fluminense

381566
False

A diretoria do Fluminense vem trabalhando no sentido de tentar honrar os compromissos com o elenco, porém, o esforço não parece estar sendo suficiente. No dia 15 de outubro completou-se o quarto mês sem pagamento de direitos de imagem para o plantel, uma quantia considerável da receita recebida pelos atletas. Em termos de carteira na CLT, o atraso é de apenas um mês.

Os direitos de imagem de junho, julho, agosto e setembro não foram pagos, assim como os vencimentos da CLT do último mês. Porém, apenas na falta de pagamento deste último caso, do salário em carteira de trabalho, ou de FGTS é que os jogadores, após três meses, podem solicitar a rescisão unilateral de contrato de trabalho.

Estreia do NBB e jogos da Bundesliga: a semana no FOX Sports

O clube conseguiu pagar os salários de carteira anteriores a setembro e também a premiação pela classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana. O presidente Pedro Abad vem tentando junto a instituições financeiras recursos para colocar tudo em ordem.

Os jogadores evitam reclamar publicamente do caso, porém, quando são perguntados lamentam a situação, mas mostram confiança nos dirigentes.

El Clásico Barcelona x Real Madrid no dia 28; saiba como assistir ao vivo

“A situação é chata, mas não chega a influenciar dentro de campo, pois o elenco do Fluminense é maduro e sabe lidar com este tipo de situação. A diretoria vem trabalhando para tentar resolver logo o problema. A gente confia na diretoria”, disse o atacante Everaldo.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Dentro de campo o elenco treinou nesta manhã de quinta-feira de olho no duelo do próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, contra o Atlético-MG pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O meia Junior Sornoza volta a ficar à disposição do técnico Marcelo Oliveira depois de ter servido a seleção equatoriana em amistosos internacionais.

O elenco volta a treinar na manhã desta sexta-feira, quando Marcelo Oliveira deverá definir a escalação que vai utilizar contra os mineiros. O Tricolor é o nono colocado no Brasileirão com 37 pontos conquistados.

Saiba mais:

Sassá 'soca' o troféu e provoca o Galo

PSG mira a contratação de Griezmann

Andrés ironiza o Cruzeiro e faz promessa

Crédito: Celso Pupo/ Fotoarena

Deixe seu comentário