Presidente do Boca projeta duelo com Palmeiras: “Ninguém vai ganhar com a história ou com a camisa"

Daniel Angelici também afirmou que ainda não é hora de pensar em uma possível final contra o arquirrival River Plate, que enfrenta o Grêmio na outra semifinal

381301
False

Palmeiras e Boca Juniors começam a decidir uma das vagas na grande final da Conmebol Libertadores no próximo dia 24 de outubro, quando se enfrentam na Bombonera. Já na expectativa do confronto, Daniel Angelici, presidente do clube xeneize, afirmou que o duelo será decidido dentro de campo.

Apesar do histórico do Boca Juniors na competição, com seis títulos, sendo o segundo maior vencedor, o mandatário disse que o duelo será resolvido pelos jogadores.

Finalíssima da Copa do Brasil, estreia do NBB e mais: a semana no FOX Sports

“Não estamos jogando bem, mas as partidas da Libertadores são distintas. São 180 minutos e teremos que estar concentrados em nosso campo para manter o zero no placar e conseguir um bom resultado para ir a São Paulo. Mas os rivais também jogam, creio que vai ser uma linda partida. Agora começa uma etapa decisiva e as partidas têm que ser jogadas. Ninguém vai ganhar com a história ou com a camisa, teremos que ganhar dentro de campo, com os jogadores. Boca tem grandes jogadores e confio muito neles”, disse o cartola.

Angelici ainda foi questionado sobre uma possível final contra o arquirrival River Plate, que enfrenta o Grêmio na outra semifinal da competição. O presidente, no entanto, preferiu pensar na fase atual primeiro.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Nós agora só pensamos no Palmeiras. Queremos chegar à final, mas teremos que nos concentrar nesta partida. Não podemos começar a palpitar a final, se ainda nos faltam 180 minutos. Estamos muito concentrados nisso. Espero colocar tudo em campo para conseguir esse objetivo. Depois, se chegarmos a final, não importa o rival, temos que ganhar”, encerrou Daniel Angelici.

O FOX Sports transmite as duas semifinais da Conmebol Libertadores. De um lado, Palmeiras e Boca Juniors reeditam o confronto de 2001, na mesma fase, que terminou com os argentinos classificados à final. No outro lado da tabela, Grêmio e River Plate duelam, com o Tricolor Gaúcho tentando defender o título conquistado em 2017.

Saiba mais:

Real Madrid tem trunfo para tirar Hazard do Chelsea

Jornal espanhol dá dicas do Palmeiras ao Real Madrid

Bueno saca dois gigantes da briga pelo título brasileiro

Crédito da foto: divulgação/Palmeiras

Deixe seu comentário