Hudson cobra postura do São Paulo em ‘jogo de seis pontos’ com o Inter: “Não podemos mais empatar”

Tricolor paulista ocupa a quarta colocação, com um ponto a menos do que o Internacional, que é vice-lider do Brasileirão

380851
False

* Por Gazeta Press

Em plena queda na tabela do Campeonato Brasileiro, o São Paulo promete adotar uma postura diferente no próximo domingo (14 de outubro), contra o Internacional, em Porto Alegre, pela 29ª rodada. Ao menos foi o que indicou o capitão Hudson, ciente da necessidade de o time voltar a vencer após quatro jogos.

“A gente não joga por empate mais. Um empate lá não vai resolver nada. A gente precisa ter uma postura que jogue para vencer. Claro, com inteligência, sem se expor muito, porque o time do Inter vai ser empurrado por sua torcida, vai querer vir para cima”, declarou o volante, em entrevista à Gazeta Esportiva.

'Guerra Fria' no cage: Fedor e Sonnen se encaram no Bellator 208

O desempenho recente do Tricolor como visitante, contudo, preocupa. A última vez que a equipe dirigida por Diego Aguirre somou três pontos longe do Morumbi foi na vitória por 3 a 1 sobre o Sport, na Ilha do Retiro, no dia 12 de agosto. Desde então foram três empates e uma derrota.

“O São Paulo já demonstrou que sabe jogar muito bem fora de casa, já conseguiu vitórias. Precisamos conseguir achar esse ponto que já tivemos no campeonato. Com esses maus resultados, esse jogo se tornou essencial em pontuação e em confiança para a equipe”, ressaltou.

Bellator, Nascar e SportsCar Championship: o super feriadão do FOX Sports

Pelos resultados negativos das últimas rodadas, o confronto no Beira-Rio ganhou contornos de decisão para os dois times, que tentam se manter próximos da liderança. O São Paulo ocupa o quarto lugar, com 52 pontos, um a menos que o segundo colocado Inter e quatro atrás do Palmeiras, que figura na primeira posição.

“Temos que fazer uma boa partida contra o Inter. Vencer ou perder vai ser um pouco de como o time vai se comportar. Isso vai mexer um pouco com a confiança. Por exemplo, a gente perdeu do Atlético-MG em Belo Horizonte, mas tivemos uma postura de uma equipe vencedora”, relembrou o camisa 25, que prosseguiu.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Só que agora a gente tem um pouco mais de urgência de resultado do que de uma boa atuação. Mas, se a gente conseguir atuar bem, de uma forma segura, organizada, podemos estar mais perto de um bom resultado no Sul e trazer a confiança de volta”, concluiu.

Saiba mais:

“Vai 20 vezes ao banheiro antes do jogo”, diz Maradona sobre Messi

Oficial: Henry será rival de Neymar no futebol francês

Real Madrid tentou tirar estrela do Barça na última janela de transferências  

Crédito da foto: Marco Galvão/Fotoarena

Deixe seu comentário