Hudson cobra forte e faz promessa para torcida do São Paulo

Em entrevista à Gazeta Esportiva, volante garante entrega total e quer mudança de postura do Tricolor na busca pelo título brasileiro

380708
Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo

Por Gazeta Esportiva

A dez rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, o São Paulo precisa encontrar imediatamente uma solução para o seu momento delicado no torneio. A análise é do volante Hudson, para quem a reação tem de começar já neste domingo (14), diante do Internacional, em Porto Alegre.

Matt Mitrione x Ryan Bader e muito mais: é hoje no Bellator 207!

“Temos conversado bastante, com semanas importantes de treinamento, mas temos de achar a solução rápida, transferir isso para os jogos o mais rapidamente em forma de resultado, para que o São Paulo volte ao ritmo de vitórias e de rendimento”, declarou o camisa 25, em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva.

Com apenas duas vitórias em nove jogos no segundo turno, o São Paulo caiu do primeiro para o quarto lugar, com 52 pontos, quatro a menos que o líder Palmeiras. O Inter, rival deste final de semana, é o segundo colocado, com 53.

“A gente pode ter uma reação num momento essencial do campeonato. Sabemos que agora é a hora de dar uma arrancada. O Campeonato Brasileiro é muito difícil de se conquistar e o deste ano é um dos mais disputados. Vai ser difícil até o final, e o São Paulo vai lutar até o fim com todas as forças”, prometeu.

Bellator, Nascar e SportsCar Championship: o super feriadão do FOX Sports

Capitão do time dirigido por Diego Aguirre, Hudson busca o seu primeiro título com a camisa tricolor. Contratado em 2014 após se destacar no Botafogo-SP, o jogador de 30 anos garante que o elenco tem se cobrado internamente pela almejada reação.

“Os jogadores não podem abaixar a cabeça nunca. É tentar trazer essa cobrança de uma forma positiva, para que a gente melhore, porque ainda dá tempo”, ressaltou o meio-campista, confiante na capacidade da equipe tricolor.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Temos um elenco maduro, com jogadores que já foram campeões. O São Paulo tem os ingredientes para ser campeão, mas precisa dar uma resposta agora. Está na hora da reação. E é nesse final, nessas últimas dez rodadas”, concluiu.

Saiba mais:

‘Fator Vinícius Jr’ pesou em saída de Paquetá

Paris Saint-Germain ‘declara guerra’ ao Barcelona

Corinthians repete estratégia por título da Copa do Brasil

Crédito Foto: Rubens Chiri/SPFC.