Boca pode ter 'porrada interna' contra Palmeiras por sugestão de Maradona; entenda

Time argentino vive um período tenso após maus resultados em campo e deve chegar para o duelo com o Palmeiras em situação complicada internamente

380612
False

O Boca Juniors vive um período bastante tenso internamente. O clima após a derrota para o River Plate e a eliminação na Copa Argentina está carregado. Como time sob desconfiança, a semifinal da Conmebol Libertadores diante do Palmeiras se torna a grande esperança do elenco comandado por Guillermo Barros Schelotto para este início de temporada na Argentina.

Bellator, Nascar e SportsCar Championship: o super feriadão do FOX Sports

Porém, Diego Armando Maradona, hoje treinador do Rayados, do México, deu uma solução um tanto quanto ‘raiz’ para que o clima entre os atletas melhore: sair na porrada. Em entrevista ao portal Infobae, o craque disse que acompanha o clube de perto e sugeriu o seguinte:

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Outro dia, me chamou a atenção que o Zárate xingou o Cardona durante a partida. Eu pensei comigo mesmo: ‘O vestiário deve estar muito mal’. O vestiário é simples. Há uma chavezinha, e se querem acabar com o problema, eu tranco pelo lado de fora e deixo que se arrebentem na porrada. Aquele que sair, joga”, disse Maradona.

Saiba mais:

‘Fator Vinícius Jr’ pesou em saída de Paquetá

Paris Saint-Germain ‘declara guerra’ ao Barcelona

Corinthians repete estratégia por título da Copa do Brasil

“Esta é a bagunça e eu resolvo em um ambiente fechado com a chave na mão e como comissário. Assim se resolvem os problemas, senão apodrece tudo. Quando saem na mão, você vê que não acontece mais nada”, disse o treinador do Rayados, que também é torcedor do Boca Juniors.

Deixe seu comentário