Expulso em cinco minutos, chileno de R$ 17 milhões receberá tratamento especial no Corinthians

Ângelo Araos recebeu dois cartões amarelos em um período bastante curto e acabou deixando o Timão com dez homens nos minutos finais

380598
Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo

Derrotado por 1 a 0 pelo Cruzeiro na noite da quarta-feira, no estádio do Mineirão, o Corinthians tratou com bons olhos a desvantagem mínima acumulada após uma apresentação muito ruim do seu setor ofensivo. Um dos poucos prejuízos certos para o segundo jogo, na próxima quarta, na Arena, porém, é o meia Ángelo Araos. Expulso após levar dois cartões amarelos em um espaço de cinco minutos, a contratação mais cara do semestre é ausência confirmada no jogo mais importante desse período.

Bellator, Nascar e SportsCar Championship: o super feriadão do FOX Sports

Visto como uma joia pelos corintianos, Araos deve receber um acompanhamento especial da comissão técnica nos próximos dias, conversas para que ele não se sinta culpado. Com potencial que agradou ao técnico Jair Ventura desde a sua chegada, a preocupação é evitar que o chileno mostre um abatimento que comprometa seu futebol pelo cartão vermelho recebido no Mineirão, o primeiro da sua carreira como profissional, justamente em uma final.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Adquirido após ser bem avaliado pelo primeiro semestre realizado com a Universidad de Chile, Araos custou cerca de 4,5 milhões de euros aos cofres alvinegros, por volta de R$ 17 milhões. Para efeito de comparação, sua chegada movimentou um montante maior do que aquele recebido com a negociação de Balbuena, vendido ao West Ham por 4 milhões de euros.

Saiba mais:

‘Fator Vinícius Jr’ pesou em saída de Paquetá

Paris Saint-Germain ‘declara guerra’ ao Barcelona

Corinthians repete estratégia por título da Copa do Brasil

Auxiliado por Romero na adaptação ao Brasil, ele não conviverá nem com o camisa 11 nem com Díaz durante a semana. A dupla paraguaia se apresentou à seleção paraguaia nesta quinta-feira e só volta ao Timão na véspera do duelo da volta da Copa do Brasil, marcado para o dia 17, na Arena.

Nesse meio tempo, é bastante provável que Araos ganhe uma chance para ser titular contra o Santos, no sábado, às 19h (de Brasília), no estádio do Pacaembu. Jair deixou claro que deve utilizar uma equipe alternativa para descansar os titulares e dar rodagem ao grupo, cenário em que o chileno se encaixa.

Crédito: Marco Galvão/ Fotoarena