Jornal revela como até 'fator Vinícius Jr' influenciou decisão de Paquetá em deixar o Flamengo

Segundo afirma o jornal Extra, a convocação para a Seleção Brasileira e a ida de Vinícius Junior para o Real Madrid afetaram a escolha de Lucas Paquetá pelo Milan

380558
Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo

De acordo com o jornal Extra, dois fatores foram fundamentais na decisão de Lucas Paquetá em se mudar para o Milan a partir da próxima janela de transferências: sua convocação para a Seleção Brasileira e a ida de seu amigo Vinícius Junior para o Real Madrid.

Dê sua nota para os jogadores de Cruzeiro e Corinthians na Copa do Brasil

Chamado por Tite pela primeira vez, o jogador precisou retornar às pressas para ajudar o Flamengo na semifinal da Copa do Brasil, contra o Corinthians. Na convocação seguinte, ficou de fora por conta de uma eventual classificação de sua equipe para a final na competição, que não veio a acontecer. Desse modo, o confuso calendário do futebol brasileiro ajudou a fortalecer sua ideia de aceitar uma transferência para o Velho Continente.

Além disso, ver Vinicius Junior, de apenas 18 anos, chegar à Europa e já figurar em algumas oportunidades no time principal do Real Madrid, inclusive sendo relacionado para a Champions, despertou um senso de urgência no meio-campista. Mais velho que seu ex-companheiro, o camisa 11 rubro-negro decidiu aproveitar a oportunidade enquanto está em alta no mercado.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Aos 21 anos, Lucas Paquetá é uma das principais estrelas do Flamengo, superando nomes badalados como Diego e Everton Ribeiro. A notícia da negociação pegou de surpresa o técnico Dorival Junior, que chegou recentemente a equipe, mas contará com o jogador até o fim da temporada. O comandante espere que o atleta se mantenha focado nesta reta final no clube, para ajudar o time na briga pelo título do Brasileirão 2018.

Crédito Foto: Gilvan Souza/Flamengo