Diego retorna ao Flamengo, e Dorival Junior tem problema interno para resolver. Veja

Meio-campista não encarou o Corinthians, em Itaquera, e viu Lucas Paquetá, mais centralizado, se destacar na posição

380178
Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo

*Por Gazeta Press

Passada a vitória de 3 a 0 sobre o Corinthians em São Paulo, o Flamengo já projeta o clássico contra o Fluminense no próximo sábado, às 17h00 (horário de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Para este compromisso, o técnico Dorival Júnior deverá contar com o retorno do meia Diego, que ficou de fora diante do Timão por conta de dores na parte anterior da coxa direita. O problema é que o time engrenou sem o apoiador, um dos medalhões do plantel, graças ao bom desempenho de Lucas Paquetá jogando mais avançado.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Cruzeiro x Corinthians e muito mais ao vivo nos canais FOX Sports

Lucas Paquetá já vinha dando sinais de que poderia render mais se pudesse jogar encostando nos homens de frente. Diante do Corinthians, ele marcou os dois primeiros gols flamenguistas e esbanjou oportunismo.

Sem contar com Diego, o volante Willian Arão foi colocado no time e passou a jogar de maneira mais recuada, auxiliando o colombiano Gustavo Cuéllar na proteção aos zagueiros e liberando Lucas Paquetá para o ataque.

Saiba mais:

Corinthians se movimenta no mercado

Real quer nova estrela para o ataque

Zidane entra na mira de mais um time

“O Paquetá tem tudo para ser um dos grandes jogadores do nosso futebol e espero sinceramente que nunca perca a sua essência. Mas logicamente que não podemos deixar de lado o Diego, um dos nossos principais jogadores. Quando ele voltar jamais vou desprezá-lo”, disse Dorival.

O time para a partida contra o Fluminense só deverá ser definido nos treinos de quinta e sexta-feira.

Crédito: Marco Galvão/ Fotoarena