Eurico fala em Vasco pacificado, e presidente confirma ‘dia histórico’ para o clube. Veja

Principais lideranças do Vasco estiveram reunidas em coletiva nesta segunda-feira e anunciaram que o clube está 'sem vaidades e unido'

380166
Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo

O clima no Vasco da Gama parece finalmente estar melhorando. Em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira, as principais lideranças do clube, dentre elas Eurico Miranda e o atual presidente Alexandre Campello, disseram que o clube está unido e sem vaidades neste difícil momento vivido pelo time de futebol e principalmente pelo momento financeiro de todo o clube.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Hoje é um dia histórico do Vasco. Ouço há mais de 30 anos que o melhor é um Vasco pacificado e aqui estamos. O Vasco hoje vive dias de grande dificuldade. Todos que estão aqui sentados abriram mão da vaidade e estão aqui unidos. Chamo todo mundo que se una e se encerre essa briga judicial. Vamos resolver os problemas internamente aqui no Vasco”, disse o presidente do time carioca.

Cruzeiro x Corinthians e muito mais ao vivo nos canais FOX Sports

Eurico Miranda, figura história no clube, também falou sobre o atual momento e disse que o Vasco está ‘completamente pacificado’. “Hoje é um dia histórico do Vasco. Estamos reunidos aqui com o Vasco absolutamente pacificado. Estamos com as principais lideranças do Vasco hoje aqui pacificando o Vasco. Vamos pacificar internamente e na Justiça. O objetivo nosso hoje é dar demonstração que o Vasco está pacificado internamente e vamos tentar pacificar na Justiça. Deixando claro que não tem nenhuma outra intenção de natureza política. O Vasco pacificado é um sonho que vira realidade”, disse Eurico.

Saiba mais:

Corinthians se movimenta no mercado

Real quer nova estrela para o ataque

Zidane entra na mira de mais um time

Na coletiva desta segunda, estiveram presente também os seguintes nomes: Olavo, Osório, Sérgio Frias, Eloi, Peralta, João Nóbrega, Denis Carrega, José Luís e Jorge Salgado. O Vasco está na 17ª colocação do Campeonato Brasileiro e tem problemas para reagir nesta reta final de competição.

Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br