Fábio Azevedo: Hora de acordar, Neymar

Craque fica distante dos gênios da atualidade e sucumbe aos mimos dos que o cercam

364514
False

Que o Neymar joga muito, isso ninguém discute. O tema aqui é outro: maturidade. Não vou falar do choro, da emoção aflorada sob pressão, mas das atitudes dentro de campo. São 5 anos na Europa (Barcelona e PSG) e ele não amadurece. Jamais vai alcançar Cristiano Ronaldo e Messi nos seus resultados e conquistas irritando adversários com quedas espetaculares ou birrinha.

Extravasar a raiva com as críticas nas redes sociais é uma arma, mas que tal driblar, tomar a falta, levantar, correr, driblar de novo, sofrer nova falta e comemorar? Ao invés disso, Neymar prefere ficar rolando ou espetacularizando cada queda, o menino precisa crescer.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Aos 26 anos, milionário (com o trabalho dele), ele já passou da hora de assumir as responsabilidades, crescer, tomar porrada e levantar sem usar os outros. Cresça e apareça ainda mais, Ney.

Que esta Copa seja um divisor na sua mente para o futuro. O que você quer ser no futebol: craque, monstro, gênio ou o melhor do mundo?

O FOX Sports transmite ao vivo todos os jogos da Copa do Mundo da Rússia. Para acompanhar todas as notícias do Brasil e das outras seleções, confira a página especial do FOXSports.com.br.

Saiba mais:

"Brasil não ganhará a Copa", diz penta

Scarpa receberá proposta em breve

Meia pode ser negociado pelo São Paulo

Crédito da foto: EFE

Deixe seu comentário