Téo José: Sam Bird me enche os olhos

Piloto da Virgin é o grande rival do líder Jean-Eric Vergne. Muito difícil pintar um intruso na disputa pelo título. Hoje o francês tem 31 pontos de vantagem e só faltam quatro etapas

356194
False

O britânico Sam Bird tem enchido meus olhos na Fórmula E. Piloto da Virgin é o grande rival do líder Jean-Eric Vergne. Muito difícil pintar um intruso na disputa pelo título. Hoje o francês tem 31 pontos de vantagem e só faltam quatro etapas. Voltando ao Bird, ele tem 30 anos de idade, já passou por várias categorias, esteve batendo na porta da Fórmula 1 e foi se dar melhor no Endurance, onde obteve seus melhores resultados até entrar na Fórmula E, na primeira temporada da série.

Na sua quarta temporada já acelerou em 41 provas com quatro poles e sete vitorias, sempre pela equipe Virgin. Na atual é o vice-líder, com duas vitorias. Na última corrida, em Paris, sábado passado, largou em segundo e só chegou em terceiro porque André Lotterer ficou sem bateria e ele, mesmo acertando a traseira do carro do alemão, cruzou com o seu “Virgin” bem avariado, mas ainda com uma posição no pódio.

Gosto do Bird pela forma agressiva e segura que pilota, falta ainda uma melhor construção de resultados e isto na Fórmula E é fundamental, saber dosar o momento de atacar. Como faz muito bem Lucas di Grassi. Vejo muitas dificuldades neste ano para busca de seu primeiro título, mas não tenho dívida de que um dia ele vai conseguir ser o número um da categoria de carros elétricos.

Bird e as outras 19 feras da Fórmula E voltam a pista dia 19/05 em Berlim, para nona prova da temporada e você vê com exclusividade nos canais FOX Sports, A Casa da Velocidade.

(Crédito da imagem: Twitter/DS_Performance)

Deixe seu comentário