Monaco não liberará Mbappé nem com proposta de R$ 486 milhões

Vice-presidente do Monaco deixou recado aos clubes interessados pela sensação do campeonato francês e afirmou que o atacante não sai por menos de 130 milhões de euros (R$ 486 milhões)

compartilhado
Mbappé já afirmou ter Zinédine Zidane como ídolo (EFE)
Mbappé já afirmou ter Zinédine Zidane como ídolo (EFE)
305177
compartilhado

Cada vez mais especulado no Real Madrid e desejado por outros gigantes, Kylian Mbappé não sai do Monaco por menos de 130 milhões de euros (R$ 486 milhões). Pelo menos esse foi o recado que Vadim Vasiliyev, vice-presidente do Monaco, deixou aos clubes interessados pela sensação do campeonato francês.

“O futuro de Kylian Mbappé na nossa equipe também depende dele, se quer partir ou ficar. Mas nós temos uma posição econômica suficientemente forte para recusar uma oferta de 130 milhões de euros (R$ 486 milhões) ”, afirmou em entrevista à Radio Monte Carlo.

Vadim Vasiliyev também falou sobre a permanência do técnico Leonardo Jardim, que, segundo imprensa europeia, é um dos principais objetivos de Inter de Milão e inclusive já recebeu proposta. "Espero que ele queira ficar, porque é um treinador perfeito para o nosso projeto e temos um grande respeito pelo seu trabalho”, explicou.

Veja mais:

Chilavert: "Ceni aprendeu comigo"

Rincón escolhe entre Palmeiras 94 x Corinthians 2000

Rever pediu 'jogo de compadres'

Deixe seu comentário